domingo, 12 de julho de 2009

FORAM OS MEUS PÉS



Lanço meu olhar à trás

Como quem busca ver o futuro

Foram os meus pés

Vasculho em meus armários

Abro as gavetas de meus fichários

Busco no inconsciente a dor latente

Foram os meus pés

Emoções me sufocam

A dúvida me oprime

Foram os meus pés

Tudo e nada são as mesmas coisas

O que as separa, são os valores que guardamos.

Foram os meus pés

Amigos, inimigos e os indiferentes

Muitos deles ganhamos e os perdemos de graça

Na difícil arte de agradar

Prefiro ser eu mesmo

E foram os meus pés

Sim, meus pés me trouxeram até aqui

Não há culpados nem agraciados

Foram meus pés que me trouxeram até aqui

Caminhos difíceis

Tortuosos, escorregadios

Cheios de armadilhas

Repletos de olhos ocultos

A espreita

Buscando meu tropeçar

E quem muito quer ver, acaba vendo

Mas não lamento

Não choro não

Arrepender-me?

Não me arrependo não

Afinal sou produto dos meus erros e acertos

Foram meu pés

São minhas as pegadas

Nunca as verei a frente

Para caminho diferente tomar

Não há placa que sinalize

Resta apenas aprender

Isso não quer dizer não errar

Mas pelo menos não repetir.


Reinaldo

Um comentário:

Laguardia disse...

Aproveitando a idéia da Passeata Virtual “Fora Sarney”, faço aqui a sugestão de que no dia 7 de Setembro de 2009, façamos outra passeata virtual, nos organizando desde já.

Esta passeata, como a Fora Sarney, começaria no seu computador e terminaria em vários pontos:

Na presidência da República, No Congresso Nacional, No Supremo Tribunal Federal, na Procuradoria Geral da União, na Assembléia Legislativa de seu estado, no Palácio do Governo do seu estado, na Câmara de Vereadores de sua cidade e na Prefeitura de sua cidade.

A idéia é enviar o maior número possível de emails de protesto contra a situação atual, da falta de ética, de moral, de honestidade de nossos governantes e parlamentares.

Denunciaremos o governo federal por agir a margem da lei com a campanha eleitoral antecipada, o que é ilegal, e exigindo, como cidadãos, que fossem tomadas as devidas providências.

Os e mails seriam mandados para os seguintes enderêços:


Senado Federal: Alô Senado http://www.senado.gov.br/sf/senado/centralderelacionamento/sepop/?page=alo_sugestoes&area=alosenado
Câmara Federal: Fale com o deputado: http://www2.camara.gov.br/canalinteracao/faledeputado
Supremo Tribunal Federal – Central do Cidadão - http://www.stf.jus.br/portal/centralCidadao/enviarDadoPessoal.asp
Procuradoria Geral da União - pfdc@pgr.mpf.gov.br
Presidência da República – Fale com o Presidente - https://sistema.planalto.gov.br/falepr2/index.php

Gostaria de ter a opinião dos leitores com relação a idéia.